Cultura(s)/Começar a conversa

A1 Iniciante
Quais são os primeiros temas a abordar ao conversar com alguém pela primeira vez? O bairro, o trabalho, as habitudes, por exemplo.
No vosso país, na vossa cultura, quais são os temas para iniciar a conversa? Será que são os mesmos se conhecemos pouco ou bem seu interlocutor? Será que abordamos detalhes nas primeiras conversas? Será que há temas tabu? Será que o olhar é importante?

Não começamos uma conversa da mesma maneira com as pessoas que conhecemos ou que encontramos pela primeira ou segunda vez. O “tu “ ( “te ”, “ton ”, “ta ”, “tes ”) é usado rapidamente entre pessoas com menos de 30 anos, mas o “vous ” (“votre ”, “vos ”) é essencial em uma situação formal.
Além disso, com pessoas mais velhas, o “ vous “ é habitual, enquanto com pessoas mais jovens ou da mesma idade, é possível dizer "tu “, mesmo que não se conheçam bem. O olhar nos olhos do interlocutor, os gestos, a maior ou menor distância entre as pessoas também expressam informações (simpatia, timidez, medo).
A maneira de começar a conversa ou de falar de um novo tema depende inteiramente da relação entre as pessoas e a situação. Não há formulas prontas.

Para o primeiro encontro, podemos perguntar à pessoa se ela mora no bairro, se trabalha e, em caso afirmativo, em que área. Podemos falar sobre a atmosfera do bairro, o local de trabalho, seus hábitos na loja, no café ou no restaurante. Em um local público, podemos fazer perguntas sobre o que está acontecendo, falar sobre os hábitos de frequentar esse local, expressar um sentimento geral. Não fazemos perguntas muito específicas se sentimos que o interlocutor responde curto. Não fazemos perguntas sobre o salário; não falamos de religião, de politica, de sexo.

Depois ou durante uma nova encontra, você pode perguntar à pessoa como ela está, falar sobre o clima e pedir uma informação ou um conselho.

Para saber mais:

Exercícios em pratica

Femme affichant une pétition

Cultura(s): iniciar uma conversa

A1
4 exercises
Olhar • Ouvir • Cultura(s) (comunicação / primeiras trocas)