Cultura(s) / A importância da casa

A1 Iniciante
Em seu país, em sua cultura, a habitação é considerada um abrigo, uma proteção? Ela é apenas vista como algo utilitário ou o planejamento dos interiores também é importante? Dedica-se muito tempo e dinheiro na decoração de interiores? A beleza exterior da residência é importante? Colocam-se objetos decorativos no interior, na frente das janelas? Na França, no Canadá e na Bélgica, por exemplo, há muitos programas sobre planejamento e decoração do lar. TV5MONDE e www.tv5monde.com também apresentam muitos programas e vídeos sobre esse tema: Côté maison, Changer d'intérieurs, Intérieurs d’ailleurs, Leçon de style, Passion maisons, Une brique dans le ventre. Todos os estilos de decoração são representados: clássico, design, exótico, campestre, etc. No departamento de Seine-Saint-Denis, perto de Paris, existe um shopping com 100 lojas de planejamento e decoração de interiores. Segundo os dados estatísticos de 2003/2004, fornecidos pelos serviços nacionais e pelo INSEE (Instituto Nacional de Estatística e Estudos Econômicos) de Paris, 68% dos belgas eram proprietários de suas residências, também era o caso de 64% dos canadenses, 55% dos franceses e 33% dos suíços. O sistema de financiamento é mais ou menos difícil dependendo dos países. Alguns oferecem crédito imobiliário em um período de 30 anos (informações extraídas do site www.ffcmi, consultado em 5 de abril de 2010). Na Bélgica, é possível ver objetos, muitas vezes brilhantes, colocados em frente às janelas de casas na cidade. Os moradores gostam de evitar olhares exteriores colocando cortinados nas janelas e fechando as cortinas ou persianas à noite. Na cidade ou no campo, em uma grande casa ou em um pequeno apartamento, um dos cômodos mais importantes da residência é a cozinha, onde toda a família se encontra.